Manutenção dos equipamentos da oficina mecânica: fique atento!

Os equipamentos são o principal investimento de uma oficina mecânica. Afinal, eles são fundamentais para a execução de todos os serviços. Mas o mau uso e a falta de manutenção podem colocar todo esse investimento a perder. Saiba mais sobre a importância da manutenção dos equipamentos da oficina mecânica.

A importância da manutenção adequada

 Não basta ter uma oficina com os melhores equipamentos se eles não estiverem funcionando corretamente. A preservação dos equipamentos é mais que um cuidado com o objeto em si: é prezar pela qualidade do seu serviço.

Imagine você utilizar um equipamento descalibrado e como consequência realizar um reparo inadequado em um veículo? Um cliente insatisfeito pode prejudicar muito a imagem da sua oficina. E tudo isso por um erro que poderia ser facilmente evitado.

Adotar a manutenção dos equipamentos da oficina mecânica como um procedimento também ajuda a prolongar a vida útil do produto. Assim, você consegue evitar o gasto de ter que repor equipamentos constantemente.

Por último, a manutenção dos equipamentos é uma forma de proteger a saúde de seus funcionários. O mau funcionamento de uma ferramenta pode machucar um membro da sua equipe. Por isso, através da manutenção você reduz o risco de acidentes de trabalho.

Como fazer a manutenção dos equipamentos da oficina mecânica

É obrigação da oficina mecânica realizar a manutenção adequada de todos os seus equipamentos. Eles devem estar em condição de serem utilizados quanto a manutenção, a calibração e aferição. Algumas dicas importantes:

Capacite seus funcionários

O mau uso de um equipamento pode levar a sua deterioração. Dessa forma, sempre que sua oficina investir em uma nova ferramenta, seus funcionários precisam saber como utilizá-la da forma correta.

Normalmente, equipamentos como elevadores automotivos, vem com um curso explicativo do fabricante de como utilizar o produto.

Torne a limpeza um procedimento padrão

Não se pode simplesmente utilizar uma ferramenta ou equipamento e não deixá-lo em condições de uso para o próximo serviço. Os procedimentos de limpeza também vão garantir a durabilidade dos produtos.

Enfatizamos que cada equipamento tem suas especificidades de limpeza, que devem ser verificadas de acordo com as indicações do fabricante. Os que possuem componentes eletrônicos, por exemplo, não podem ser lavados com água, então pode-se usar o ar comprimido.

Já os elevadores automotivos, possuem uma camada de pintura eletrostática a pó e por isso podem ser limpos com um pano úmido e sabão neutro.

Tenha um calendário de manutenção

Sua empresa pode manter um calendário com as datas da manutenção dos equipamentos da oficina mecânica. Mantenha também um relatório com o histórico das aferições que foram realizadas.

É importante criar um padrão de procedimento destas verificações. Isso deve ser feito de forma periódica.

Verifique a necessidade de manutenção indicada pelo fabricante do produto

Cada equipamento possui uma necessidade de manutenção específica, que é determinada pelo fabricante do produto.

Elevadores automotivos, por exemplo, exigem uma manutenção contínua. Veja:

  • A lubrificação com graxa deve ser feita semanalmente.
  • A cada 3 meses é necessário reapertar todos os parafusos e porcas do equipamento.
  • Pelo menos uma vez ao mês, a corrente e a correia devem ser esticadas.
  • O rolamento sofre fadiga, por isso é preciso fazer o controle a cada 6 meses e uma revisão técnica no equipamento uma vez ao ano (realizada por um técnico especializado).
  • Componentes como correias, rolamentos e porcas de nylon devem ser substituídos sempre que necessário.

Fique atento!

A garantia do serviço de qualidade da sua oficina depende da manutenção dos seus equipamentos, mas também da origem do produto. Por isso, escolha sempre um fabricante que tenha experiência de mercado.

Conheça os equipamentos Máquinas Ribeiro!